World Council of Churches

O Conselho Mundial de Igrejas é uma comunhão global que busca a unidade, o testemunho comum e o serviço.

Você está aqui: Entrada / Novidades / Peregrinação de justiça e paz inspira comunicadores da América Latina

Peregrinação de justiça e paz inspira comunicadores da América Latina

Peregrinação de justiça e paz inspira comunicadores da América Latina

Participantes do seminário ALC/CMI em Buenos Aires. © ALC

2014-10-07

English version published on: 2014-10-07

O tema "peregrinação de justiça e paz" foi o ponto de partida para discussões sobre o futuro da cooperação entre organizações cristãs de comunicação durante um seminário promovido pelo Conselho Mundial de Igrejas (CMI).

O seminário foi parte da assembleia bianual da Agência Latino-Americana e Caribenha de Comunicação (ALC), de 3 a 5 de outubro, em Buenos Aires, Argentina.

O chamado a uma "peregrinação de justiça e paz" foi feito pela X Assembleia do CMI, realizada em Busan, República da Coreia, em 2013.

Fundada em 1994, ALC alcança diariamente cerca de 10.000 leitores/as através de notícias publicadas em três idiomas e das redes sociais. A agência busca, atualmente, novos parceiros para superar severas limitações financeiras que enfrenta. Esta dificuldade foi um dos temas principais da assembleia de ALC. O Rev. Leonardo Daniel Felix, diretor da agência ecumênica, acredita que o seminário foi "uma chance para vislumbrar novas possibilidades de cooperação e melhorar a qualidade dos materiais produzidos pela agência".

"Descobrimos novos caminhos e possibilidades para alianças estratégicas futuras com outros parceiros na área da comunicação. Estas parcerias podem proporcionar novas formas de cooperação e maior cobertura de temas capazes de informar, conscientizar e melhorar o trabalho de incidência feito pelas igrejas e organismos ecumênicos na região", afirmou Felix.

O seminário, coordenado pelo Dr Marcelo Schneider, correspondente de comunicações do CMI para América Latina, abordou formas de como a "peregrinação de justiça e paz" pode inspirar comunicadores a incrementar a distribuição de notícias de igrejas e organismos ecumênicos na América Latina e no Caribe.

"A linha editorial de comunicação do CMI para a peregrinação, assim como as estratégias que usamos nas redes sociais, são muito relevantes para os comunicadores da América Latina hoje", afirmou Schneider. "Do ponto de vista do CMI, nosso papel não é somente o de dar visibilidade às nossas notícias, mas empoderar espaços nos quais todos podem contar suas histórias", acrescentou.

Engajar comunicadores locais na promoção da peregrinação de justiça e paz é uma iniciativa conjunta entre CMI e ALC desenvolvida durante a Assembleia de Busan pelo diretor de comunicação do CMI, Mark Beach, e o diretor da ALC, Rev. Leonardo Daniel Felix.

"A iniciativa foi tanto uma contribuição concreta como um encorajamento para reforçarmos a comunicação cristã", afirmou o Rev. Daniel Favaro, da Igreja Evangélica Metodista na Argentina (IEMA). "Esta colaboração foi de grande ajuda para nós na busca por critérios unificados de distribuição regional de conteúdo que estejam de acordo com as novas dinâmicas da comunicação", acrescentou Favaro, que é membro do Comitê Central do CMI e da junta diretiva de ALC.

ALC, que recentemente inaugurou seu novo website www.alc-noticias.net, é formada pelo Conselho Latino-Americano de Igrejas (CLAI), a Aliança de Igrejas Presbiterianas e Reformadas da América Latina (AIPRAL), o Centro Regional Ecumênico de Assessoria e Serviço (CREAS), o Fórum Luterano de Comunicadores (FLC) e a Associação Mundial de Comunicadores Cristãos (WACC).